Home Economia Brasil Contas Públicas Temer sinaliza renegociação de dívidas dos Estados com BNDES

Temer sinaliza renegociação de dívidas dos Estados com BNDES

0

De acordo com a fonte, 20 bilhões de reais desse montante já estão garantidos, e outros 30 bilhões ainda dependem de medida extra

Rio de Janeiro – O presidente Michel Temer sinalizou que irá renegociar 50 bilhões de reais em dívidas dos Estados com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) em reunião com governadores na noite de terça-feira, de acordo com uma fonte que participou do encontro no Palácio da Alvorada.

De acordo com a fonte, 20 bilhões de reais desse montante já estão garantidos, e outros 30 bilhões ainda dependem de medida extra.

“Não há especulação. Há previsão. Até 30 de setembro deve estar feito”, disse a fonte à Reuters sobre os 20 bilhões de reais iniciais, que seriam determinados por um lei complementar que ordena a repactuação de dívidas com garantia da União.

Os outros 30 bilhões de reais irão depender de legislação extra, acrescentou a fonte, afirmando que a renegociação não afetará o déficit primário.

Temer se reuniu na noite de terça-feira com governadores para tratar das dívidas dos Estados junto ao BNDES, em encontro que contou com a presença no novo presidente do banco estatal, Paulo Rabello de Castro.

Na reunião, o presidente disse que gostaria que fosse encontrada uma “solução” para as dívidas dos Estados com o BNDES.

“Nós temos que encontrar um caminho que seja saudável para os Estados e que também não seja prejudicial para o BNDES e para a União”, disse Temer na abertura do jantar, segundo transcrição divulgada pela Presidência.

 

Carregar outros posts relacionados

Check Also

Seis filmes que ensinam sobre finanças pessoais

Um casal afundado em dívidas que após perder toda a fortuna que ganhou em um prêmio de lot…